Cenas Memoráveis - Psicose

Impossível não haver algo de Alfred Hitchcock nessa sessão do blog. O mestre do suspense criou ao longo de sua carreira, inúmeras cenas que entraram no imaginário de praticamente todo cinéfilo que se preze. Talvez a mais famosa, reconhecida por qualquer pessoa, seja a da cena do chuveiro em Psicose.

No filme, Marion Crane (Janet Leigh) foge com dinheiro que roubou de seu patrão para um hotel no meio da estrada, propriedade de Norman Bates (Anthony Perkins). Mal sabe a garota que momentos depois, estaria morta. Na investigação, a irmã de Marion e um detetive descobrem a terrível verdade por trás da família Bates.

Psicose é um clássico do cinema de suspense, sua música virou parte da cultura pop, e na cena a seguir, qualquer um percebe o porquê. Sem a composição de Bernard Herrmann, não haveria o impacto que a sequencia demanda. O compositor criou a partitura desse tema tendo em mente o som da faca, as batidas do coração e a dualidade do personagem de Bates.

Uma curiosidade: Psicose é de 1960, ano que o cinema já estava em seu auge do colorido. Mesmo assim, Hitchcock resolveu filmar em preto-e-branco. Tudo porque a cena do chuveiro não seria tão forte demais com a enorme quantidade de sangue vermelho na tela. O diretor é um dos poucos que entendem a arte da sugestão em oposição à sequências explícitas. Uma qualidade natural de britânicos, mostrar menos causa mais impacto.

Continua...
 
Copyright (c) 2010 Blogger templates by Bloggermint