Cenas Memoráveis - O Homem que Sabia Demais (1956)

Um dos maiores clássicos de Alfred Hitchcock, o mestre do suspense, O Homem que Sabia Demais é, na verdade, uma refilmagem de si mesmo. Hitch havia filmado a história nos anos 30 na Inglaterra, e quando foi para a América decidiu refazer, agora com mais recursos financeiros.

O resultado foi uma produção magnífica que tem seu ápice na cena a seguir. Na história, o casal interpretado por James Stewart e Doris Day tem o filho sequestrado por outro casal que planeja matar um cônsul. O assassinato se dará num concerto. No momento da música em que os pratos tocam, o assassino deve dar o tiro. Tanto a personagem de Doris Day quanto de James Stewart sabem do plano e querem tentar impedir, mas não imaginam como. Repare na construção da sequência, uma clara homenagem ao cinema mudo, principalmente nos momentos envolvendo Stewart.

A solução final para a cena é genial e infelizmente não esta completa no vídeo a seguir. Mas é uma boa desculpa para a locação do DVD ;)

Vale destacar que o que você vai ver abaixo foi copiado sem pudores no recente Controle Absoluto, do diretor D.J. Caruso, que já havia surrupiado Janela Indiscreta, outro clássico de Hitchcock, em seu Paranóia.

Curiosidade: o maestro que conduz a orquestra é interpretado por Bernard Herrmann, compositor da trilha deste e de mais um sem número de filmes de Hitchcock, incluindo Psicose. O músico também é famoso por sua composição para Cidadão Kane. É mole?

Continua...
 
Copyright (c) 2010 Blogger templates by Bloggermint