Especial O Cavaleiro das Trevas - A Trilha Sonora

Quando Hans Zimmer e James Newton Howard foram anunciados como compositores da trilha de Batman Begins era difícil imaginar o que eles trariam para ajudar Christopher Nolan a contar sua história. Os dois são conhecidos por estilos bem distintos. Enquanto Zimmer é mais relacionado a filmes de ação, Howard se envolve em trabalhos mais introspectivos como drama ou suspense. O resultado foi uma trilha que equilibrava esses dois lados em faixas distintas. Ficava bem evidente que ambos desenvolveram em separado cada tema. Porém, em seu retorno ao universo do Homem-Morcego, os compositores puderam interagir e criaram uma trilha que se não for indicada a Oscar, será uma grande injustiça.

A primeira faixa, Why So Serious? é, como o nome sugere, o tema do Coringa. E se enquanto o filme não chega, temos apenas aquela impressão do caos como motivação do vilão, essa música corrobora ainda mais com isso. Imagine uma música do Nine Inch Nails, em sua fase mais pesada e criativa, interpretada por uma orquestra. Chega a ser perturbadora em determinados momentos. O tema do Batman vem em seguida com I’m Not A Hero, (uma pista sobre o tom do filme, talvez?), uma releitura de alguns temas de begins, porém com uma temática mais voltada para o drama. Harvey Two-Face é a terceira música e indispensável dizer que temos aqui o tema de Harvey Dent. Recheada de momentos de heroísmo e pompa, tem seus belos momentos dramáticos indicando a inclinação do personagem para sua enventual ruína.

Essas três faixas são as principais e as que apresentam o que iremos escutar durante todo o CD. O destaque, além do que já foi citado, fica para Like a Dog Chasing Cars, extremamente empolgante, com a intromissão inesperada do tema do Coringa (exatamente como o próprio personagem). Agent of Chaos e Introduce a Little Anarchy também são bons exemplos da interação Zimmer/Howard.

Para finalizar o álbum, A Dark Knight, com seus 16 minutos é uma suíte de temas, que termina de forma heróica. Mas não aquele heroísmo da marcha do Superman. Algo muito mais melancólico e introspectivo. Só ouvindo pra entender.

Uma coisa que não se vê muito em Hollywood ultimamente são filmes verdadeiramente imersivos. Que levam o espectador pra dentro daquele mundo mostrado na tela. Um dos fatores que ajudam essa experiência é a música incidental (Vangelis e sua composição para Blade Runner que o digam). Aliada a magnífica fotografia de Wally Pfister, a trilha criada em quatro mãos pelos dois compositores é mais que um detalhe técnico. É parte da arte de contar histórias.

Lista de Faixas:

1. Why So Serious?
2. I'm Not A Hero
3. Harvey Two-Face
4. Aggressive Expansion
5. Always A Catch
6. Blood On My Hands
7. A Little Push
8. Like A Dog Chasing Cars
9. I Am The Batman
10. And I Thought My Jokes Were Bad
11. Agent Of Chaos
12. Introduce A Little Anarchy
13. Watch The World Burn
14. A Dark Knight

Continua...
 
Copyright (c) 2010 Blogger templates by Bloggermint